Tive a imensa alegria de vivenciar a maior experiência imersiva sobre a obra de Van Gogh em 8K no Lounge I do BarraShopping (Rio de Janeiro), que abriga a Exposição.

Van Gogh só vendeu um quadro em vida e, mais de 130 anos depois de encerrar a própria vida, virou febre mundial, tornando-se um impressionante “case” de sucesso.

Desde que a sensível obra do mestre do impressionismo holandês foi apresentada de forma imersiva, ocorreu um fenômeno global que dividiu águas na maneira como a arte é consumida pelo público de massa e, no Brasil, não foi diferente.

O responsável pela montagem da exposição Beyond Van Gogh, Rafael Reisman, CEO da Blast Entertainment, empresa da DC SET Group, resolveu ir além e reuniu toda a experiência adquirida em quase dois anos de pesquisas para criar a maior e mais moderna mostra imersiva já realizada sobre a obra do mestre holandês, com projeções de mais de 200 obras do pintor na inédita resolução 8K em um mega espaço de 2.800 metros quadrados montado no estacionamento do BarraShopping no Rio de Janeiro.

Com textos ilustrativos retirados de suas cartas originais e embalada por uma trilha sonora também especialmente concebida, com músicas de Debussy, Ravel, Bach, O’Halloran, Pink Floyd, 3 na bossa, entre outros, a Van Gogh LIVE 8K possui quase 1500 metros quadrados de área de projeção, usando 40 projetores laser de 12 mil lumens – que determina a intensidade da luz – para criar, com 480 mil lumens, mais de 35 minutos inéditos de projeções com resolução 8K jamais vista em mostras do gênero.

Além do salão principal, a Van Gogh LIVE – 8K tem ainda mais quatro ambientes: um café temático, uma sala educacional, um campo de girassóis e uma antessala imersiva.

Foi muita emoção vivenciar uma experiência inédita de áudio e vídeo memoráveis!

Vincent Van Gogh

O holandês Vincent Van Gogh (30 de março de 1853 – 29 de julho de 1890) é considerado um dos maiores pintores da história, mas teve pouco sucesso durante sua vida. Todo o seu trabalho – cerca de 900 pinturas e 1100 desenhos – foi produzido durante um período de apenas 10 anos, antes de sucumbir à doença mental, possivelmente transtorno bipolar.

Sua fama cresceu rapidamente após sua morte, especialmente após uma grande retrospectiva de sua obra em Paris, em 17 de março de 1901, organizada por sua cunhada Joanna Van Gogh, viúva de seu irmão Theo, que herdou as telas do mestre.

Várias de suas obras estão atualmente entre as mais admiradas e caras do mundo, como o Quarto em Arles (1888), Noite Estrelada (1889), Lírios (1889), Os Girassóis (1889), o Autorretrato (1889), Terraço do Café na Praça do Fórum (1888) e o Campo de Trigo com Corvos (1890), entre muitas outras.

Van Gogh foi um dos maiores influenciadores do expressionismo, um dos movimentos de vanguarda europeus que influenciaram a arte moderna mundial e, no Brasil, o movimento modernista, que teve início com a Semana de Arte Moderna de 1922.

Apesar de uma carreira e de uma vida curta, marcada por tropeços e desilusões, Vincent Van Gogh criou uma obra tão deslumbrante que com o passar dos anos sua importância e magnitude o transformaram em um verdadeiro patrimônio da história mundial das artes plásticas.

Presente em exposições, museus, livros, utensílios e todo tipo de objetos, a arte do pintor holandês inundou o imaginário popular, atravessou o tempo e ainda segue inspirando artistas com seu traço inconfundível.

About Author

Márcia Ávila

Jornalista e Editora da Magazine Lifestyle com pós-graduação em Gestão Organizacional (Adm. de Empresas) e Especialização em Inteligência Competitiva (Eng. de Produção). @marciaavila.mktdeconteudo

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *